Contribuições Winnicottianas para o campo educacional

Winnicott produziu diferença no campo da psicanálise. Ao contrário de muitos psicanalistas, não se restringiu ao setting clínico stricto sensu, ou seja, ao consultório psicanalítico; sua clínica alcançou outros campos. Oriundo da Pediatria, trabalhou no hospital Paddington Green Children Hospital por quase toda a sua vida profissional, além da sua clínica particular, e não se absteve em relação às questões sociais e outras áreas, como a educação. Fez palestras, orientou educadores e pais em relação aos temas que tangem a educação e a escola.

Certamente uma grande contribuição de Winnicott foi pensar no papel do ambiente no desenvolvimento emocional do ser humano. Ele não concebeu as questões intrapsíquicas como únicas responsáveis pelo amadurecimento saudável ou adoecimento. Pelo contrário, entendeu o ambiente, principalmente nos primeiros anos de vida da criança, como fundamental para a saúde maturacional do indivíduo. Assim, concebeu a instituição escolar como um ambiente importante para a sustentação emocional da criança.

Sua teoria do amadurecimento muito contribui com profissionais da educação, tendo em vista que, conforme já mencionado, estudou profundamente a relação do indivíduo com o ambiente. Na primeira infância, portanto nas creches, sua contribuição para profissionais que cuidam de bebês ou crianças pequenas é imensa pois, neste caso, funcionam não como professores no sentido de ensinar conteúdos, mas como cuidadores, que podem facilitar a continuidade do amadurecimento emocional das crianças. Em idades mais avançadas, o professor, em caso de saúde maturacional de seus alunos, pode desempenhar sua função de ensinar conteúdos, mas entendemos, a partir da teoria de Winnicott, que sempre haverá na função do professor a tarefa de facilitar o amadurecimento emocional das crianças/adolescentes, pois os indivíduos sempre estão em um ininterrupto processo de amadurecimento, portanto a independência em relação ao ambiente é sempre relativa.

Nesta série de 3 artigos, iremos abordar algumas contribuições de Winnicott no campo da educação, evidenciando como sua teoria pode auxiliar e apoiar os educadores, pais e a comunidade escolar.

Publicado originalmente em Palavra-Ato

Escrito por Isabel Valli (CRP 12/2184)

(11) 989213706